Laboratório Toledo

Acesse e confira o resultado do seu exame online de maneira prática e rápida de onde estiver.

Cai número de mortes por Aids

Cai número de mortes por Aids


A redução da mortalidade pelo vírus HIV foi maior entre as mulheres.

Nos últimos cinco anos o número de mortes provocadas pela Aids caiu 26,7%, segundo relatório do Programa das Nações Unidas para a luta contra a Aids (Unaids), da Organização Mundial da Saúde. O relatório apontou ainda que mais pessoas estão vivendo mais tempo com a doença por causa da disponibilidade de medicamentos para o tratamento do HIV.

Em todo o mundo cerca de 33,4 milhões de pessoas estão infectadas com o vírus HIV. A cobertura do tratamento cresceu principalmente no sul e leste da África, onde o acesso passou de 24% em 2007 para 54% em 2015. A redução da mortalidade foi maior entre as mulheres porque os homens começam o tratamento mais tarde.

O diretor-executivo da Unaids, Michel Sidibé, disse que os números mostram que a epidemia estabilizou e se todos os países colaborarem com os programas de prevenção e tratamento da Aids, a epidemia da Aids poderá ter fim em 2030.

O Brasil é um dos países considerados exemplo na prevenção ao vírus HIV. Segundo a Unaids, a luta contra a Aids deve dar maior ênfase aos grupos de risco que são os homossexuais e transexuais, consumidores de drogas injetáveis, presos e trabalhadores sexuais. 

Deixe um comentário