Laboratório Toledo

Acesse e confira o resultado do seu exame online de maneira prática e rápida de onde estiver.

Câncer de Estômago

Câncer de Estômago


Homens na faixa de 70 anos estão mais suscetíveis a essa doença.

Também conhecido como câncer gástrico, o câncer de estômago é responsável por um grande número de mortes na América latina. No Brasil, esse câncer o é o terceiro mais incidente na população masculina e quinto na feminina, segundo levantamento do Instituto Nacional do Câncer (INCA).

Em 2016 são esperados 20.520 novos casos, sendo 12.920 nos homens e 7.600 nas mulheres. 65% dos pacientes diagnosticados com câncer de estômago têm mais de 50 anos. O pico de incidência se dá em homens, por volta dos 70 anos. 

O estágio inicial dessa doença raramente causa sintomas, por isso é difícil o diagnóstico precoce. Vários sinais podem indicar o problema como: falta de apetite, perda de peso, dor abdominal, azia, náuseas, vômitos, Inchaço no abdome e desconforto no abdome. Esses sintomas também podem ser causados por outras patologias por isso é preciso uma avaliação médica.

Apenas 20% dos casos de câncer de estômago são diagnosticados em estágio inicial.  O tratamento dessa doença envolve cirurgia, quimioterapia, terapia alvo e radioterapia. Em muitos casos é utilizada uma combinação desses tratamentos.

Não há como prevenir o câncer de estômago, mas é fundamental seguir uma dieta balanceada para reduzir o risco de desenvolver a doença. Vegetais crus, frutas cítricas e alimentos ricos em fibras devem fazer parte da dieta desde a infância. Também é importante evitar o tabagismo e o consumo exagerado de bebidas alcoólicas.

Deixe um comentário