Laboratório Toledo

Acesse e confira o resultado do seu exame online de maneira prática e rápida de onde estiver.

Liberada vacina contra a dengue

Liberada vacina contra a dengue


Apesar de liberada a vacina contra a dengue pela ANVISA o Ministério da Saúde prefere esperar os testes da vacina produzida pelo Instituto Butantã para iniciar uma campanha em massa.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária, ANVISA, liberou no Brasil uma vacina contra o vírus da dengue. É a Dengvaxia, produzida pelo laboratório francês Sanofi Pasteur.

A vacina está indicada para pessoas entre 9 e 45 anos de idade. Fora desta faixa etária os estudos demonstraram que sua eficiência é baixa, por isso não é indicada.

É necessário tomar três doses da vacina com intervalo de seis meses entre cada dose para conseguir proteção total. Mas após a primeira dose os especialistas dizem que já se consegue um pouco de proteção contra a doença.

O governo brasileiro ainda está discutindo o custo e o benefício de incluir a vacina no calendário nacional de imunização.  A decisão de uma vacinação em massa e de graça esbarra no preço. A vacina é cara, custa em torno de R$80,00 a dose. Segundo o Ministro da Saúde, Marcelo Castro, três doses para 10 milhões de pessoas tem o custo estimado de R$ 3 bi.

O Ministério da Saúde espera o resultado da vacina desenvolvida pelo Instituto Butantã. Ela está em fase final de testes. Se for aprovada será enviada para avaliação da ANVISA. A vantagem dessa vacina é que seria uma dose só e o preço bem mais em conta.

A vacina da dengue não protege contra o zika vírus e a chicungunya, por isso não é preciso continuar combatendo o mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e febre chicungunya.

Deixe um comentário